Menu

Com status de quatro estrelas, o evento reunirá mais de 100 atletas de todo o mundo, distribuirá US$ 95 mil e contará com show do O Rappa
Salvador, 02 de outubro de 2013 - Itacará, no sul da Bahia, será a capital do surf mundial entre os dias 15 e 19 e outubro. Mais de 100 surfistas, de países dos quatro continentes, estarão na cidade para disputar o MAHALO SURF ECO FESTIVAL. A sexta edição da já tradicional prova será realizada no Sul do estado pela primeira vez e vai oferecer preciosos pontos aos atletas que brigam por vagas para integrar a elite do surf mundial em 2014.
Com realização da Dendê Produções e patrocínio da surf wear MAHALO, o evento promoverá ações ambientais e shows, com destaque pra a apresentação do O Rappa, da Diamba, de Tuca Fernandes e da Massa Sonora, no dia do encerramento (19). A banda carioca fará apresentação do novo álbum "Nunca tem Fim", em show que percorre todo o país. No repertório, o grupo apresenta canções do novo álbum, além de músicas já consagradas de discos como Lado B Lado A, Acústico, Ao Vivo, entre outros.
Entre os surfistas já inscritos no MAHALO SURF ECO FESTIVAL, estão Peterson Crisanto (PR), Thomas Hermes (SC), Hizunumê Betero (SP), Messias Félix (CE), Ulisses Meira (PB) e os baianos Bino Lopes, Bruno Galini, Marco Fernandez e Ian Costa. Segundo informações da ASP South America, entidade que gerencia o surf profissional na Améria o Sul, um total de 86 surfistas de dez países já confirmaram participação na última etapa nível 4 estrelas do circuito.
EM BUSCA DO BI - Campeão da prova em 2011, na Praia do Sesc, em Salvador, o atleta da MAHALO Bino Lopes treina forte para conquistar a competição mais uma vez. “Participar deste grande evento na minha terra já é um grande motivador. O fato da prova levar o nome do meu patrocinador é mais estimulante ainda e nos coloca uma certa responsabilidade, que particularmente gosto muito”, diz o surfista, que é o único baiano a conquistar uma etapa do mundial na Bahia e será o décimo cabeça de chave da competição.
MAHALO - Patrocinadora de grandes festivais nacionais de surf e do Panamericano de 2009, a MAHALO dará nome, pela primeira vez, a uma etapa da Association of Surfing Professionals (ASP). Uma das maiores redes de lojas do segmento do Brasil, com cerca de 30 estabelecimentos, o Grupo Mahalo, sediado em Salvador, é detentor da marca MAHALO, que nasceu na Califórnia em 82 e hoje é uma das grifes de surfwear mais influentes do país, além da Edye e da ASA Classic Wear.
“Fomentar o esporte sempre foi nosso principal lema, pois acreditamos que devemos retribuir tudo o que ele tem proporcionado para nós. Itacaré é um paraíso maravilhoso e, sem dúvida, é o palco ideal para este grande evento”, explica o diretor-presidente do Grupo MAHALO, Tony Almeida. “Será sem uma festa inesquecível para o surf brasileiro”, complementa.
SURF ECO FESTIVAL - O primeiro Surf Eco Festival aconteceu na paradisíaca e Praia do Forte, no município de Mata de São João, no litoral norte baiano. Em 2009, o campeonato mudou para a capital, Salvador, ficando dois anos na Praia de Armação e os outros dois na Praia de Jaguaribe, em frente ao Sesc Piatã. 
AMBIENTAL - Para marcar a estréia do MAHALO SURF ECO FESTIVAL em Itacaré, a Dendê Produções preparou várias atividades do Programa Socioambiental apoiado pela Petrobras, como o ECO Mural, coleta seletiva do lixo, exposição de animais taxidermizados, além de palestras e exibição de filmes para incentivar a preservação da biodiversidade.

MAHALO SURF ECO FESTIVAL é realizado pela Dendê Produções, com apresentação da Skol e patrocínio da MAHALO, Petrobras, Bahiatursa e Prefeitura Municipal de Itacaré, além do apoio da Backdoor, Instituto de Turismo de Itacaré, Federação Baiana de Surf e Associação de Surf de Itacaré. O evento é homologado pela ASP South America como uma etapa do ASP World 4 e será transmitido ao vivo pela internet no www.surfecofestival.com.br.
 
Topo