Menu

Realizado nessa sexta-feira (14), no Wet’n Wild, o Festival M.A.C. dará espaço para o movimento hip hop mostrar a força que tem em Salvador. Para isso, nomes da cena local foram convidados a participar do evento e prometem levar toda sua arte para o público. Grupos com musicalidades bem particulares se apresentam no segundo palco do festival, como Quatro Preto, Rap Nova Era, In.vés e Afro Jhow, além dos alagoanos do Ladoeste.

Criado em 2002, o Quatro Preto discute os problemas sociais das  comunidades carentes de Salvador através de composições com letras polêmicas. Outra atração do Festival, o grupo Rap Nova Era se prepara para lançar seu segundo disco, intitulado Brutality. O In.vés - de Yuri Loppo e Elvis Kazpa - também vai mostrar novidades no show, como o repertório do seu novo EP, lançado esse mês, além de músicas inéditas. Outro destaque da festa é o rapper Afro Jhow, que reuniu, ao longo de sua carreira, influências musicais das mais diversas, resultando em um som particular, que une ritmos como samba reggae, funk, ragga murfing, zuqui e rap. Os alagoados Cabelera, Jonathan Ruan e pelo DJ/Beatmaker Icaro Menezes completam a programação do Palco 2 comandando a Ladoeste.

Programado para as 21h, o Festival M.A.C receberá, no palco principal, os shows das bandas Racionais MCs, Cone Crew e Adão Negro, e dos cantores Filipe Ret e Sine Calmon. O evento também irá oferecer uma amostra da força da cultura popular no contexto de rua, com a presença de DJs e MCs tocando reggae, dub, ragga, dancehall e rap, na Tenda Dub. O espaço terá lugar ainda para demonstrações de grafite, presença de tatuadores profissionais e apresentações de B-Boys e B-Girls. Um bazar irá vender peças da moda hip hop, impregnada de expressões e atitudes da cultura de rua.

SERVIÇO
Evento: Festival M.A.C.
Local: Wet’n Wild
Data: 14 de Fevereiro
Valores: R$ 40,00 pista / R$ 60,00 camarote.
Atrações: Racionais, Cone Crew, Filipe Ret, Sine Calmon, Adão Negro
Vendas: Pida, Line Bilheteria e Balcões de Ingresso
Censura: 16 anos
 
Topo